O amor é de personalidade livre...
Terapia do Amor

quem

Amor
Recadinho prá você!

Comunicação, a arte de falar um com o outro, dizer o que sentimos e pretendemos, falando com clareza, ouvir o que o outro fala, deixa-lo certo
de que estamos ouvindo é, sem sombra de dúvida, uma habilidade essencial para a manutenção de um relacionamento amoroso.

Essa afirmativa é de Leo Buscaglia, professor de uma universidade da
Califórnia.

Ele diz que o mais alto nível da comunicação é o não verbal. O que quer
dizer: se você ama, mostre isto em atitudes. Faça coisas amorosas para o
outro. Seja atencioso. Coloque os seus sentimentos na prática.

Faça aquela comida favorita. Abrace calorosamente. Receba com alegria. Crie os seus próprios feriados de amor. Não espere pelo dia dos namorados. Acompanhe, esteja junto.

E ele relaciona alguns pontos importantes para que uma relação a dois se aprofunde e se agigante, vencendo os dias, os meses e os anos.

Diga sempre ao outro que o ama, através de suas palavras, suas atitudes e seus gestos. Não pense que o seu par já sabe disso. Ele precisa desta afirmação.

Cumprimente sempre o seu amor pelos trabalhos bem-feitos. Não o deprecie. Dê o seu apoio quando ele falhar. Pense que tudo o que ele faz por você, não o faz por obrigação. E estímulo e elogio asseguram que ele vai repetir a dose.

Quando você se sentir solitário, incompreendido, deixe-o saber. Ele se
sentirá mais forte por reconhecer que tem forças para confortar você.

Afinal, os sentimentos, quando não externados, podem ser destrutivos.
Lembre que, apesar de amá-lo, o outro ainda não pode ler a sua mente. Não se feche em si mesmo.

Expresse sentimentos e pensamentos de alegria. Eles dão vida ao
relacionamento. É maravilhoso celebrar dias comuns, datas pessoais, como primeiro encontro, o primeiro olhar, o dia da reconciliação depois de um breve desentendimento.

Ouça a sua própria voz a falar de sua felicidade.

Diga ao seu amor que ele é uma pessoa especial. Não deprecie os sentimentos dele. O que ele sente ou vê é sua experiência pessoal, portanto, importante e real.
Abrace sempre. A comunicação de amor não verbal revitaliza.

Respeite o silêncio. Momentos de quietude também fazem parte das
necessidades espirituais de cada um.

Finalmente, deixe que os outros saibam que você valoriza a quem ama, pois é bom partilhar as alegrias de um saudável relacionamento com os outros.
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ooo~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

É possível que você esteja pensando que todas essas idéias não são
realmente necessárias entre pessoas que se amam. Elas acontecem de forma espontânea.

Mas, nem tanto. Nem sempre. São esses vários aspectos da comunicação que constituem o alicerce de um relacionamento amoroso saudável. Eles também produzem os sons mais maravilhosos do mundo. Os sons do amor.

beijos


RCC

O que nós queremos deles?
Rostos

Só um espírito verdadeiramente feminino como o de Danusa Leão poderia retratar tão bem as mais íntimas necessidades de uma mulher. Quisera que todos os homens do mundo lessem essa reportagem, com certeza, deixariam de nos achar tão complicadas. Abaixo segue, na íntegra, o texto retirado da revista Cláudia de Abril de 2006 e deixo aqui meus parabéns a Danusa Leão, uma das grandes expressões literárias dos nossos tempos.

RCC

Mas, afinal, o que querem as mulheres de um homem? O que nós queremos? Em primeiro lugar, que ele nos ame muito; muito, mas não exageradamente. Que nos entenda, que nos ouça sempre com muita atenção, mesmo que não esteja muito interessado no que estamos falando mas fingindo estar. Não, ele não precisa nos trazer flores; mas deve estar sempre nos procurando, fazendo um carinho no nosso ombro, pousando, apenas pousando a mão na nossa coxa por debaixo da mesa ou quando estiver dirigindo o carro, coisa de quem se sabe dono absoluto do nosso coração e do nosso corpo; só faz isso um homem seguro, que é o que todas queremos. Por outro lado, é preciso que ele nos solicite muito, pergunte que gravata deve usar, se gostamos da água-de-colônia nova, que carro deve comprar; mesmo que acabe fazendo o que quer, sem dar a mínima para nossa opinião. Mas também é preciso que às vezes fique quieto, calado, para nos deixar bem inquietas, imaginando no que será que ele está pensando. Mulher não pode nunca se sentir nem muito segura nem muito insegura: tem que ser no ponto certo. O ponto certo, essa é a questão. Para isso é preciso sensibilidade, coisa fundamental ao homem que se ama. Sensibilidade para sentir quando estamos precisando de um carinho, de um amasso ou de ficar em silêncio. E ser capaz de, na hora de uma briga, dizer "vem cá, sua boba", e a gente se aninhar nos braços dele esquecendo de tudo que estava falando. Ah, como é bom um homem assim. Não é preciso que ajude a lavar os pratos nem a arrumar a cozinha, essas bobagens a gente faz com o maior prazer quando ama. Mas a cada cinco minutos pode perguntar, enquanto assiste o futebol sem tirar os olhos da TV, se ainda vai demorar muito essa arrumação, pedir para você levar uma cerveja e dizer "vem sentar do meu lado para ver o jogo". Esse jogo não nos interessa nem um pouco, mas saber que ele precisa de nós num momento tão crucial é tudo de que precisamos para ser felizes. E quando o time dele fizer um gol e ele comemorar abraçando e beijando muito, ser solidária e mostrar-se tão feliz como se tivesse acabado de ganhar o mais lindo vestido da última coleção de Valentino. Não basta ser mulher: tem que participar. A hora de ir para a cama é muito importante: mesmo que ele esteja estudando um processo ou lendo uma revista em quadrinhos, é fundamental que ponha a perma em cima da sua para que você sinta que, aconteça o que acontecer, ele estará sempre ligado em você. E um homem que quer ser amado sobre todas as coisas não pode jamais, mas jamais, depois de apagar a luz do abajur, se virar de costas para dormir; isso é crime que nenhuma mulher perdoa. E quando, já no escuro, ele faz um carinho na sua cabeça e se encaixa - não há mulher que resista a um homem que sabe se encaixar bem - ai é que você sente a felicidade total e pensa que é aquele homem, aquele e nenhum outro que pode fazê-la feliz. É só isso que quermos dos homens. Não é pedir muito, é?

Danusa Leão é cronista e autora de vários livros

Amar, simplesmente amar!

Será que nós já aprendemos a amar de verdade?
Será que já somos capazes de amar pelo menos os nossos amigos?
Ainda não. Ainda não aprendemos a diferenciar o amor verdadeiro da posse.

Mesmo aquele sublime amor de mãe, ainda é condicionado a uma troca, ou seja, nós pais, esperamos que o amor que damos aos nossos filhos, voltem em forma de boas notas na escola, boa educação, carinho e outras cobranças que costumamos fazer.(Já ouviu aquele famoso "Eu faço tudo por você....???")

Bom, se amor de mãe e pai tem cobrança, imagine o amor por uma pessoa que nem é nosso parente?

O amor que estamos acostumados é aquele que toma posse das pessoas e parece que aceitamos isso naturalmente e até as crises de ciúme que continuam destruindo os relacionamentos.

Ora, quem ama deveria sempre desejar o melhor para o parceiro, estar sempre disposto a perdoar, ajudar, compreender, e principalmente confiar.

Tenho assistido diariamente a uma crise de confiança e de confusões, pessoas estão se entregando a "paixões relâmpagos", paixões de chat que não duram sete dias, paixões de escritório que afetam mais a carne que a alma.

E assim caminha a humanidade, cada um buscando uma fórmula de fugir da solidão, usando o egoísmo para prender as pessoas ao seu lado.

O amor que deve ser liberdade acaba virando uma prisão.
O amor que deve ser alegria acaba em choro e desespero.
O amor que deve ser vida acaba em morte, em tragédias.

Tudo isso por causa da nossa incapacidade de amar, pelo nosso egoísmo que até quando diz que faz tudo pela pessoa amada, na verdade está é fechando o cerco em cima dessa pessoa, tentando prendê-la a um costume, a uma situação.

É preciso aprender a amar, amar sem regras, sem condições, sem esperar nada em troca. A melhor maneira de praticar é com aqueles que amamos, nossos familiares e amigos. Buscar a compreensão dos fatos, das atitudes das pessoas, aprender que cada ser humano é um ser especial com características próprias, com sonhos e desejos diferentes dos nossos. E essa diferença, essa possibilidade de aprendermos com os nossos "diferentes" é que tornam a vida tão interessante e maravilhosa.

Se você acredita que não consegue viver sem alguém, isso não é amor é posse.

Se você precisa controlar os horários, os locais onde a pessoa amada esteve, isso não é amor é paranóia.

Se você tem que abandonar algum sonho por uma pessoa, isso não é amor é humilhação.

Se você tem que passar por situações que te deixam com vergonha dos outros, isso não é amor é submissão.

Se você não se ama, não é capaz de amar ninguém, no máximo "dominar alguém" e dominar não é amor é "escravidão", e pelo que eu sei a escravidão já foi banida do planeta há algum tempo.

Ame-se! Valorize-se! Goste-se! Goste do seu cheiro, procure as suas qualidades, exiba os seus dons, seja simples, fale a verdade, não queira ser o que você não é, seja simplesmente você
porque você é uma pessoa maravilhosa, do jeitinho que você é.


Acredite nisso!

RCC

início
 

 Indique nosso site a um amigo.
 
Opte por visualizar o site em 1024x768
© www.arymatheia.com.br
Todos os direitos reservados à Carlini Mídias Interativas
+55 0xx11 7357-2235
Minhas experiências como uma extra- terrestre.
Minhas experiências
Meu livro no aguardo de patrocinadores, uma grande editora e distribuidor.
Enriqueça
Um livro de auto ajuda. Histórias e textos que aumentarão sua luz.
Aguardando editora, distribuidor e patrocinador.
Idéias simples que se tornaram grandes negócios
Idéias
Mais um livro no aguardo de patrocinadores, uma grande editora e distribuidor.
Meu primeiro CD
Meu primeiro CD
No aguardo de um selo de uma grande gravadora, de um grande distribuidor e um possível patrocinador.
Compositores, Cantores e Bandas!

Você que tem
composições, músicas, CD gravado, produção independente e quer que gente famosa conheça seus trabalhos,
informe-se aqui.

Saiba mais

Intérpretes de música brasileira!

Você que pretende lançar seu CD e não
encontra as músicas,
estamos centralizando nesse Site várias
músicas inéditas, de alto nível, de
compositores anônimos.

Saiba mais

 

 

 
AryMathéia responde


 
Destaque do Mês

Coração partido